"Diga ao povo que fico"

Foto: Bruno Fiovaranti

Cronista do cotidiano tupiniquim, cheia de ritmos, hits, ai ai ais, poesia e voz, Vanessa da Mata, em seus 41 anos, vive de amor. A idade não é pretexto para se abster de dilemas tão jovens e atuais, já que tanto se fala de amor e ódio hoje em dia.

"Diga ao povo que fico", frase tão política, é exposta em seu novo single, "Só Eu e Você", faixa de apelo estético romântico, com cara de sucesso e que faz a ponte entre Vanessa e a juventude, que, ao mesmo tempo, é tão odiosa e amorosa. Dois lados de uma mesma moeda.

O amor dos jovens desta geração, sim,  está no novo single da cantora, assim como a desistência e a frieza por novos encantos. "Nada é tão sério/ Só você me importa/ Estou fechando a porta/ E é só você e eu” , canta artista.

Vanessa aqui, aliás, soa mais livre e, oras, independente neste lançamento. É certo que a faixa demostra uma identidade visceral já conhecida nestes seus 17 anos de carreira. Porém, é improvável de se imaginar que após todos estes anos, Vanessa da Mata sinta-se insegura e bloqueada para fazer o que quer. O amor aqui traz, além de reflexão, proximidade, entre graves e agudos, balanços e levezas. A cantora assina aqui a composição e, pela primeira vez, a produção musical da faixa. Sinal de autoestima e segurança, após tantos outros trabalhos cercados por tantas mãos.

Videoclipe

“Só Você e Eu” marca o lançamento de EP que também será lançado em maio. Este precede um novo álbum, o primeiro de estúdio desde “Segue o Som”, de 2014. A canção que amrca esta nova fase de Vanessa da Mata ganhou videoclipe gravado em Nova York. As cenas mostram Vanessa dançando e contracenando com os bailarinos Cynthia Irobunda, que mora na cidade americana, e Ryan John. Bruno Fioravanti, diretor do clipe, conta que o roteiro foi escrito em parceria com Vanessa, que já conhecia a bailarina, e fez questão de ressaltar a dança durante todo o curta.

Confira o vídeo: 


Postar um comentário

0 Comentários